Os vínculos do novo papa com a ditadura militar da Argentina

Tomara que, Francesco I venha à fazer jus ao nome que carrega, e que defenda os pobres, os marginalizados, os que vivem com as migalhas da sociedade, e que permita que a justiça argentina continue a investigar os crimes cometidos durante a última ditadura militar naquele país. E que ele avance pelo campo da mediação e das dúvidas, já temos radicais e pessoas cheias de certezas demais. Amém! Desinformação Não! Vi no Viomundo: Os conservadores argentinos sonham com um papa próprio da Carta Maior Como em 2005, quando Ratzinger foi ……Clique aqui e continue lendo 🙂