Anotações sobre uma farsa (II)

Foto Fellipe Sampaio/SCO/STF 18/11/2013 – Copyleft Visto no Carta Maior – Anotações sobre uma farsa (II) Quando se postulava a uma vaga no Supremo Tribunal Federal, o então juiz Joaquim Barbosa procurou José Dirceu, ministro-chefe da Casa Civil do primeiro governo de Lula (2003-2007). Apresentou um pedido de rotina: apoio para que seu nome fosse levado ao presidente, a quem cabe indicar os membros da corte suprema. Dirceu recebeu o pedido, e comentou com o postulante: “Bom mesmo será o dia em que os que pretendem chegar ao Supremo obtenham ……Clique aqui e continue lendo 🙂

Pizzolato revela na Itália dossiê que embaraça julgamento de Barbosa

Visto no Correio do Brasil O pior pesadelo do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, que tem dado repetidas mostras de interesse pela vida política, começa a se transformar em realidade nas próximas horas, em Roma. O ex-diretor do Banco do Brasil Francisco Pizzolato fará chegar às mãos de seus advogados italianos o relatório de perto de mil páginas, que o Correio do Brasil divulga, com exclusividade, no qual apresenta provas de que o dinheiro que deu origem à Ação Penal 470 no STF origina-se em uma empresa privada e não de ……Clique aqui e continue lendo 🙂

A indignação seletiva da casa grande.

Foi no, não tão distante, ano de 2002 em que Lula, então em campanha à presidência, sofreu o primeiro ataque de um tipo muito específico. Naquela e também em campanhas passadas, intelectuais, trabalhadores, sindicalistas, e muitos membros do meio artístico, haviam se manifestado em apoio ao então candidato Lula, sendo talvez Chico Buarque e Gilberto Gil os maiores protagonistas deste apoio. Naquele ano, uma atriz foi na contramão do restante da classe e se manifestou não a favor de Serra, mas contra Lula. Regina Duarte ficou famosa por “Ter medo!” ……Clique aqui e continue lendo 🙂

AO VIVO – STF Decide sobre embargos infringentes da AP470