Eu avisei!

Bem que eu avisei!
Bem que eu avisei!

Muito bem. A esta altura, acho que é chover no molhado dizer, mas, não posso me ausentar. Nas diversas vezes em que disse que isto não passava de um golpe parlamentar, muitos amigos me contradiziam, me chamavam de petista, de fanático, de cego, etc. Pois bem: EU AVISEI! Agora meus caros, o jeito é vocês segurarem essa bronca. Agora está mais cristalino que nunca, foi formada uma quadrilha, com o único propósito de conspirar para que se tirasse a Presidente Dilma do caminho, e uma vez fora, estaria cimentado o forno pra assar a maior pizza da história do Brasil. Vai abaixo a reportagem do JN, com alguns trechos do áudio vazado com legendas.

Na minha modesta opinião, STF e PGR omitiram-se do processo de impeachment, com a promessa de que não haveria interferência nas investigações. Eu mesmo duvido desta minha opinião, pois, se a PGR tinha estes áudios desde antes do impeachment, então eles seriam muito burros ou muito ingênuos em acreditar que não haveria interferência. De toda forma, o governo usurpador de Temer iniciou-se com uma paulada na capacidade da justiça em investigar delitos, com a extinção da CGU e a sua incorporação ao ministério da justiça, sob a tutela do advogado do PCC-SP, o qual disse com todas as letras que não haveria obrigação em se escolher o mais votado procurador para ocupar o cargo de PGR, recriando assim, a nefasta figura do engavetador geral da república.

Diante destes fatos, e contando com o imenso rancor do ex-candidato à presidente José Serra, relegado à um carguinho mequetrefe(não que o Ministério das Relações Exteriores não seja importante, o é e muito), diante da sanha de poder dele, qualquer ministério tido como menos importante, soaria como uma ofensa, e assim, soou. Escanteado, usou do jornal e editora que por anos a fio sustentou, para atacar Temer, e quando veio o ataque? Justo quando ele não está por aqui para comentar. Certamente, um de seus procuradores aliados levou o áudio para a Folha, e o resto já se sabe.

O que não se sabe ainda é que circula uma notícia dando conta que, o grampo hoje divulgado não seria nada quando comparado ao conteúdo que foi grampeado de Renan Calheiros e José Sarney. As entranhas estão à mostra, e o fedor já está tomando conta do ambiente.

Creio que em breve Dilma será reempossada, e haverá algum consenso por novas eleições, e Temer foi o melhor cabo eleitoral que o PT poderia sonhar.

Desinformação Não!