Um novo capítulo na lorota do PS4

A Sony Brasil divulgou há pouco, um comunicado explicando a composição do preço do PS4 no Brasil. Neste comunicado, que diga-se, foi divulgado sem qualquer contestação pela mídia, consta a imagem abaixo que tenta explicar o preço, mas o que ele faz na verdade é piorar a situação:

Composição do preço do PS4
Composição do preço do PS4

Pra começar, vejam que, a Sony Brasil tenta nos fazer acreditar que o preço que ela pagará no PS4, será o mesmo que os consumidores nos EUA pagarão ao acessar a Amazon e efetuar suas compras. Ora Sony Brasil, façam-me o favor, por acaso vocês então comprarão o PS4 da Amazon ou outra grande loja americana? Ou a Sony EUA vai aumentar ainda mais as suas margens ao vender estes PS4 para o Brasil?

Outro ponto que chama muito a atenção, são as margens de varejistas e do distribuidor. Estas margens sozinhas, são maiores que o preço do PS4 nos EUA, chega a ser uma ofensa a nós consumidores brasileiros, saber que com o lucro de quem o venderá aqui, você compraria um nos EUA.

E pra finalizar, a conta dos impostos não batem. Visitando o simulador da Receita Federal, http://www4.receita.fazenda.gov.br/simulador/BuscaNCM.jsp e usando o NCM 95045000 – > CONSOLES/MÁQS.JOGOS VÍDEOS, podemos fazer a conta do valor com os impostos federais, totalizando R$858,00 + todos os impostos federais = R$1623,80. Aqui tem uma incógnita pra mim, eu não sei como é o calculo do ICMS para empresas por conta da tal Substituição Tributária(não sou contador nem advogado tributarista).  Cheguei a utilizar um site que fornece um simulador de recolhimento do ICMS, http://www.substituicaotributaria.com/SST/substituicao-tributaria/calculoICMS-ST/ e aí que o negócio fica feio mesmo, porque, mesmo informando o valor do PS4 que a Sony diz que paga, e depois somando todos os impostos federais, não cheguei em um valor nem próximo do que a Sony divulgou. Pelo o que foi comunicado, eles estariam pagando R$2.524,00 de impostos apenas para importar o PS4, entretanto, conforme pode ser visto no final da imagem, o valor total (PS4 + impostos federais e estaduais) que foi calculado aqui, foi R$2.234,95.

http://www.substituicaotributaria.com/SST/substituicao-tributaria/calculoICMS-ST/
www.substituicaotributaria.com/SST/substituicao-tributaria/calculoICMS-ST/

Mesmo fazendo o cálculo das margens do revendedor e da Sony Brasil sobre este preço, ainda estamos muito distantes do valor de venda do PS4. Isto tudo corrobora para duas conclusões:

– A legislação tributária brasileira é uma vergonha. São muitos impostos, e a verdadeira guerra tarifária estadual, torna a importação de produtos quase impossíveis, e pela cobrança dos impostos estaduais serem em cascata ao final do processo, apesar de serem bem menores numericamente, acabam por serem quase que do mesmo tamanho dos impostos federais.

– As empresas se aproveitam sem o menor pudor, da dificuldade de se conseguir informações sobre a tributação, para praticar os preços que quiserem e colocar a culpa no governo por isso.  É fundamental ter em mente que, só se chega nestes valores de impostos descritos nos cálculos que fiz porque,  a Sony Brasil declara que paga no PS4 o equivalente a US$398.00, que é o valor para os consumidores nos EUA, obviamente isto é vergonhoso, e uma verdadeira ofensa a inteligência de qualquer um.

A única arma que os consumidores tem é optarem pela concorrência, que neste caso haverá e muito forte.

Desinformação Não!

 

  • João Carlos

    Mas… O que explica o iPhone/iPad? Eles não eram baratos, nunca foram, lá fora e mesmo depois de montados no Brasil não sofreram muita diferença no preço daqui. Mesmo assim 600 dólares deles nunca chegaram a 4.000 reais. Não vejo a Apple com 50% mais barata mesmo montado aqui.

    E todo mundo está falando de PlayStation, mas vale lembrar que tivemos o Wii mais caro também, de 249 dólares por 2499 reais. Ao que me parece eles só fazem uma continha básica, ou melhor só adicionam uma casa a mais, rs. No caso do PS3: 399 virou 3999 e do Wii em 2006 249 virou 2499, simples assim.

    Voltando a Sony, quando o Vita saiu, o modelo lançado aqui era o mesmo preço do PS3 nos EUA. Porque o Vita chegou aqui mais caro que o console de mesa e continua mais caro mesmo com a redução do preço lá fora?

    Parabéns a Sony e a todos os envolvidos, pq vou continuar comprando videogame importado 😀

    • O Caso da Apple é um caso totalmente a parte da realidade. Como a Apple mesma diz, eles não vendem telefone celular, vendem sonho e status, compra quem pode e quer. Prometeram um monte, ganharam subsídios dos governos federal e estadual para estabelecerem sua fábrica aqui e não repassaram nada do benefício aos clientes, e aí? Houve reclamação e tudo mais e muita gente reclamou e tal, mas, quem quer continua comprando.

    • Lucas

      Só uma coisa, o celular da Apple qto mais barato menos vende…as pessoas que o compram querem Status, querem ter um aparelho que ninguem mais tem…muito diferente do video game…

      • Exatamente. Tanto que quando a Apple passou a produzir o iPhone aqui no Brasil, e pôde baixar os preços aqui e não o fez, houve alguma reclamação, mas, ficou nisso. Quem queria o status continuou pagando feliz.

  • Chachim

    A transitoriedade do console no território nacional sofre tributação de ICMS também.

    • As informações que postei estão incorretas ou imprecisas? Eu e o post agradecemos se der mais detalhes do cálculo!

      • Lucas

        Cada Estado tem um ICMS diferente, mas normalmente está na faixa de 17% logo não faz muito sentido, ja que é um imposto recuperavel, a porcentagem normalmente é usada na formula final, na verdade. a maioria dos impostos são usados na conta final, eu nao conheço esse site, mas ele ta calculando a partir dos 834 ou dos 4k? eu faço contabilidade, btw.

      • O site que coloquei para o cálculo (www.substituicaotributaria.com/SST/substituicao-tributaria/calculoICMS-ST/) faz o cálculo sobre qualquer valor informado. No caso, eu entrei no simulador da Receita Federal, calculei todos os impostos federais e os informei no valor Total das Mercadorias, exceto o IPI, que tem um campo a parte, e calculei o valor do IPI sobre o valor do PS4 com os outros impostos federais. Daí, os valores informados na imagem.

  • Yuri Ivanovich

    Bom, vou esclarecer um pouco essas contas…

    R$ 858 é o alegado “preço de transferência”, já com o lucro da Sony e o frete.
    Adicionando os impostos federais: R$1623,80, conforme você calculou.

    O ICMS-ST é calculado da seguinte forma:

    Preço de Venda Final (valor esperado pelo fisco) * Alíquota Interna do Estado (a famosa alíquota cheia) – ICMS próprio (gasto na aquisição para revenda).

    Como é uma importação, o ICMS Próprio = 0.

    Vamos pegar a maior alíquota do país, a de São Paulo, 18% e definir uma MVA bem alta: 40% (isto é, o fisco espera que o produto final seja vendido por um preço 40% maior)

    Preço de venda bem = 1,40 * R$1623,80 = R$ 2273,32 * 18% = 409,20

    Ou seja, o valor final seria de: R$ 2024,00.

    O que a Sony alega? 3999? Isso implicaria um lucro de R$ 1975 para o lojista final, que daria quase 98% do custo!!!

    Mas eles….

    Eles dizem que é tudo imposto… mas não é!

    Vamos calcular o Preço de Venda sem levar em conta a MVA (que é uma estimativa do fisco e pode variar de estado para estado. Normalmente não reflete o preço de mercado, mas sim um valor abaixo do preço).

    Ou seja, vamos imaginar que o preço será ajustado de forma a dar o máximo de imposto possível (usar o preço de mercado):

    Preço de Venda = (Custo + Impostos Federais) + ICMS-ST + Lucro Lojista (22%, segundo a Sony)

    Preço de Venda = R$1623,80 + ICMS-ST + Lucro Lojista (22%, segundo a Sony)

    Preço de Venda = R$1623,80 + (Preço de Venda * 18%) + (22% * Preço de Venda)

    Preço de Venda – 0,4 * Preço de Venda = R$1623,80

    Preço de Venda = R$1623,80 / 0,6

    Preço de Venda = R$ 2.706

    Ou seja, mesmo cobrando o máximo possível de impostos, o preço final deveria ser 32% menor que o anunciado, ou R$ 1293,00 a menos, o que já daria para comprar um iPad mini de 16 gb ou um Galaxy SIII só com a diferença!!

    Com certeza a empresa teria condições de vendê-lo a 2200, como fez a Microsoft.

    A Microsoft não fez ‘mágica’, a Sony é quem faz ‘mentiras’.

    • Ah sim, conversando com uma colega, ela me disse que nenhum dos impostos pode ser colocado sobre os lucros. Assim, se o preço é R$3.999,00, retira-se o lucro – R$875,00, o valor base de cálculo dos 18% do ICMS, o MVA(Margens de Valor Agregado), seria R$3.124,00, totalizando R$781,00. Assim, subtraindo o ICMS do MVA, chegamos a um valor de R$2.343,00, muito acima do valor do PS4 com todos os impostos federais. E é importante dizer que, o ICMS-ST é recolhido antecipadamente pela indústria, mas é o mesmo ICMS na maior cota, para fins de evitar a sonegação, não há dupla cobrança.

      • o IPI integra a base do ICMS-ST e do ICMS. mas pode ser utilizado parte dele como crédito quando da venda ao consumidor.

      • No site que citei e que faz o cálculo automaticamente, haviam dois campos, um para o valor da mercadoria(onde coloquei o preço do PS4 informado pela Sony e todos os demais impostos federais) e outro para o IPI.

  • herberth

    Maravilha, muito bom o Post e os comentários esclarecendo ainda mais.

    O grande fato é que a Sony quer praticar esse preço porque ela não tem interesse em vender o PS4 aqui, visto que ela investiu pesado para ter uma fábrica de PS3 aqui no país, e ainda não deve ter tido o retorno esperado

    Por causa disso ela jogou o preço do PS4 lá em cima, para ficar inviável comprar e assim as pessoas que estavam esperando o PS4 para ter um console novo, não aguentem esperar o preço baixar e compre o PS3, caso não consiga nenhuma maneira de comprar fora do país. Pois já que investiram grana pesada nessa fábrica, eles querem ter o mínimo do lucro esperado

    Não estou defendendo a sony, tbm acho isso uma puta sacanagem, mas é a única explicação lógica, já que a justificativa dos impostos não colou

  • Roberto

    vergonhoso!

  • Empresa de merda, para uma legislação tributaria totalmente desfavorável a importação.

  • Só uma coisinha que eu achei depois de muita procura, não sei se está certo, mas existe uma informação a mais(Repetindo, segundo o que eu vi):

    O IPI é cobrado NOVAMENTE, após a “saída do produto industrializado do estabelecimento industrial ou equiparado a industrial”. Isso significa que, apos a Sony receber os PS4 no Brasil por, supomos, R$ 2200, ela é cobrada de novo em 50% de IPI(+R$ 1100) ao enviar ao varejista. Somando isso ao valor, dá R$ 3300,00, que, junto aos lucros ditos pela Sony(R$ 875), dá R$ 4175 – valor próximo aos R$ 4000 ditos pela Sony. Isso também confirma o que ela diz sobre “perder dinheiro” no Brasil – ela está perdendo quase R$ 200.

    • Esta informação, pelo menos do que eu conheço e até já importei algumas coisas, está incorreta. Até porque você não pode cobrar duas vezes sobre o mesmo objeto o mesmo imposto.

      • Hmm… Então o grafico que está disponível nesse site está errado?

        http://criticalhits.com.br/e-agora-quem-esta-falando-a-verdade-sobre-o-preco-do-ps4/

      • Sabe o que está acontecendo, a Sony está usando a burocracia para se justificar, além do mais, qualquer análise de preço séria que considerar verdadeira a informação de que a Sony Brasil paga o preço de varejo no PS4 nos EUA, perde totalmente a credibilidade. É um verdadeiro insulto a inteligência dos brasileiros a Sony Brasil informar que paga US$390,00 num PS4. O artigo 46 do Código Tributário Nacional, que define os possíveis “fatos geradores” do IPI. “Tratando-se de empresa importadora, o fato gerador ocorre no desembaraço aduaneiro, não sendo viável nova cobrança do IPI na saída do produto quando de sua comercialização”. Já o ICMS-ST(Substituição Tributária), também é cobrado no momento do desembaraço aduaneiro, e assim, diz-se que evita-se a sonegação e facilita a cobrança com o uso do MVA(Margens de Valor Agregado), mas, neste momento, a empresa tem que declarar qual será o maior valor de venda, no caso, os R$3.999,00 menos o valor do lucro R$875,00, que não é tributado. Assim, a empresa que está importando paga este tributo, de forma adiantada, e o repassa no custo da venda ao comércio, ou seja, a Sony Brasil ao vender o PS4, vai somar o preço do PS4(R$858,00) + todos os impostos federais(R$765,80) + o ICMS-ST calculado sobre o MVA(25% de R$3.124,00 = R$781,00) + O seu próprio lucro(R$258,00), totalizando R$2662,80. Este seria o preço do PS4 na nota fiscal de venda ao sair da Sony Brasil em direção aos revendedores, e é aqui que se somará frete e as margens operacionais das lojas(margens com custos e lucro declarados pela Sony como R$600,00), chegando assim num valor de R$3.262,80. Mesmo usando os valores declarados por eles, a conta nunca bate.

      • Serio? Então o motivo do PS4 estar a R$ 4000, com impostos, é por que a Sony quer que esteja a 4000?

      • Sim, é isso mesmo. Veja só, a Sony montou em maio na sua unidade na Zona Franca de Manaus a fábrica do PS3, e desde então vende com grandes quantidades de propagandas o PS3 Nacional, Produzido no Brasil, por R$1.099,00(cabe dizer que na Amazon.com, um PS3 igual ao Nacional, custa o equivalente a R$527,00 ou US$244.00). É sabido que montar uma fábrica custa muito dinheiro, assim como treinar pessoal para se especializar na montagem do PS3 e na fabricação das suas peças, assim, qual seria o interesse da Sony em jogar o dinheiro investido nessa fábrica fora, para produzir o PS4 aqui? E pior, se eles trouxerem o PS4 barato, quem é que vai querer um PS3, podendo ter o PS4 por uma pequena diferença? No meu entendimento, teria sido muito melhor para a Sony, simplesmente dizer que não traria o PS4 agora e que deixassem para trazê-lo no ano que vem por exemplo, porque aí, a construção da fábrica do PS3 já teria sido paga e o PS3 poderia ter seu preço reduzido, e um novo investimento numa nova fábrica para o PS4 poderia ser feito, para vendê-lo por aqui por um valor mais honesto.

      • Ah sim, se fosse pra manter a mesma proporção, do valor do PS3 americano com o valor do PS3 produzido no Brasil, o PS4 Produzido no Brasil custaria R$1.798,00

  • Rafael>>

    Na revenda tiramos o IPI

    Ou seja produto ja tributado na importação o IPI na revenda deve ser removido.

    Como a sony não vai industrializar o PS4 aqui, se caracteriza uma REVENDA logo na revenda o IPI é removido já que ja foi recolhido na importação.

  • Lúcio

    Xbox U$100 mais cara, e já é mais barato que os impostos da Sony…

    • É importante dizer ainda que, a Microsoft irá produzir/montar o Xbox One aqui no Brasil para não pagar estes os impostos de importação.

  • Seu cálculo está errado amigo… Você calculou em Reais(BR)… poém se você tivesse feito em Dolares (EUA)… ele também te mostraria a Taxa de Câmbio que passa de R$2000… e o videogame custaria R$3.831….

    • Não entendi em que valores você se baseou. Explique melhor.

      • Me baseei nos valores do PS4 nos EUA… Lá o PS4 custa 399 dólares… e como o videogame vem de lá, há um custo pela importação… O Xbox One realmente é mais barato pelo fato de ser fabricado aqui no Brasil… Voçê calculou o preço e reais… por isso o sistema não calculou a taxa de câmbio… se tivesse posto como 399 dólares ele saberia que o produto é importado e acrescentaria pouco mais de 2000 reais… Entendeu???

      • Na verdade, você parece não ter entendido. Todos os cálculos foram feitos tendo como base o valor de venda do PS4 nos EUA, que é US$399.00. Em todos os cálculos que eu fiz, e também nos que a Sony apresentou, em algum momento esse valor é convertido para reais. Caso você tenha alguma dúvida dos cálculos, acesse o link do simulador da Receita Federal, e lá você pode colocar tanto o valor em reais quanto em dólares, não há diferença. Se você informar o preço em dólares, o sistema da Receita Federal o converterá usando o câmbio oficial do momento da consulta, e fará o cálculo sobre o valor em reais. No sistema que simula o cálculo do ICMS entretanto, você tem que informar o valor já em reais, e no valor informado na simulação, já estão todos os impostos federais. Entendeu agora?